Evento AfricanoArquivo no APERS

Deixe um comentário

     No último dia 23 o Arquivo Público do RS, como espaço de preservação e divulgação da memória, promoveu o evento AfricanoArquivo – História, memória e Consciência Negra no Arquivo Público. Mais uma vez as dependências do APERS serviram de espaço para reflexões sobre o legado deixado por africanos e afro-descendentes. Uma série de atividades foram pensadas afim de ressaltar o valor da herança cultural transmitida por nossos antepassados.

      Num primeiro momento foi apresentada uma roda de contação de histórias no pátio do APERS, utilizando os documentos que compõe a Oficina de Educação Patrimonial, Os Tesouros da Família Arquivo, que aborda a temática da escravidão. A equipe se apropriou da história dos escravos mencionados nestes documentos, lançou uma série de questionamentos sobre o futuro dos cativos em questão e o público contribuiu com depoimentos que enfatizaram a importância de difundir os costumes e tradições africanas. Logo após, também no pátio, contamos com a presença dos atores Charles Brito e Deyse Menghel em uma emocionante intervenção teatral.

      Durante o evento foi entregue o prêmio à vencedora do Concurso Cultural Dia Nacional da Consciência Negra promovido pelo APERS, a historiadora Adriana Costa. A etapa seguinte foi a exibição do filme Besouro (2009) que, dentre outros temas, ressalta a resistência escrava através da capoeira e revela de forma singela toda a magia dos orixás africanos. Após uma breve análise do filme feita pelo Professor e Mestre de Capoeira Paulo Grande, assistimos a uma vigorosa apresentação do Grupo de Capoeira Nação que empolgou todos os participantes.

      Por fim, o Professor Paulo lembrou que o Dia da Consciência Negra deve ser comemorado e que não podemos nos esquecer da preciosa contribuição dos africanos e afro-descendentes para a construção da nossa identidade. A luta pela liberdade dos negros no período da escravidão não deve ser esquecida. A busca pela cidadania, igualdade social e de oportunidades não deve cessar e todos temos um papel importante a cumprir nesta longa caminhada.

Veja abaixo as fotos do evento!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Visita guiada ao Memorial do Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul

Deixe um comentário

     O Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul (APERS) continua a oportunizar seus servidores conhecer melhor as instituições ao seu entorno. Assim, no dia 21/11/2011, os servidores Aline Maciel, Aline Vedoin, Fábio Zimmer, Gabriel Russo, Rosemeri Iensen, Silvana Miranda e Sônia Fleischmann visitaram o Memorial do Ministério Público do Estado.

     Na ocasião os servidores assistiram dois vídeos institucionais: “Palácio do Ministério Público” e “Marcas de uma História”, os quais enfatizaram a questão da restauração do Palácio.

      Em seguida, foi realizada visita guiada ao prédio, ressaltando o resultado da obra de restauração, assim como oportunizando os servidores do APERS a conhecer um pouco da estrutura deste bem arquitetônico, já tombado.

     Por fim, os servidores conheceram o subsolo e puderam visitar a exposição “Fatos, Lendas e Mitos: Olhares sobre o imaginário de Porto Alegre”, organizada pelos acadêmicos do Curso de Museologia, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), a qual buscou rememorar o imaginário urbano por meio de três crimes que atravessam décadas na história de POA: Maria Degolada, Os Crimes da Rua do Arvoredo e a Prisioneira do Castelinho do Alto da Bronze.

Saiba mais.

Resultado Concurso Cultural Dia Nacional da Consciência Negra

Deixe um comentário

     Agradecemos aos participantes do Concurso Cultural e informamos que o prêmio da 1º colocada, Adriana Costa, será entregue dia 23.11.11, durante o AfricanoArquivo.

Dia 23/11 participe das atividades do AfricanoArquivo!

Deixe um comentário

História, memória e Consciência Negra no Arquivo Público!

O Arquivo Público do Estado (APERS) é uma instituição que reconhece seu potencial e sua responsabilidade como espaço de memórias. Nesta perspectiva, desenvolve projetos relativos à história da escravidão e liberdade, buscando ressaltar a contribuição dos africanos e afro-descendentes na constituição histórica de nosso país, nossa cultura, nossa forma de ver o mundo.

Em 2011 não será diferente: queremos um espaço para refletir a respeito da cultura afro-brasileira, do legado de nossos antepassados que ajudaram a construir a sociedade do presente, e do papel que temos hoje para concretizar uma sociedade mais justa e plural em um breve futuro.

Assim, o APERS convida:

NOVA VOTAÇÃO Concurso Cultural Dia Nacional da Consciência Negra

Deixe um comentário

Devido a problemas técnicos na votação do nosso concurso cultural, para que a aferição seja justa e transparente, estamos zerando a contagem neste momento e reabrindo a enquete, onde será possível realizar um único voto por IP.

A votação se estenderá até o domingo, dia 20/11, Dia da Consciência Negra.

Lembramos que as três frases selecionadas farão parte de um painel que será exposto no Espaço Joel Abílio Pinto dos Santos (sala de exposições do APERS) e a frase mais votada ganhará as publicações das últimas Mostras de Pesquisa do APERS e outros brindes!

Para votar clique aqui!

Arquivo Público RS na Feira do Livro: lançamento dos Anais da IX Mostra de Pesquisa do APERS

Deixe um comentário

    Dia 10 de novembro ocorreu o lançamento dos Anais da IX Mostra de Pesquisa do APERS na 57ª Feira do Livro de Porto Alegre.

    A Mostra de Pesquisa é promovida anualmente pelo APERS com o intuito de estimular a interação entre a comunidade pesquisadora e a pesquisa em fontes primárias arquivística.

    Durante o lançamento os autores autografaram a publicação e puderam interagir com o público.

    Aos interessados em adquirir a publicação, informamos que a mesma está disponível para venda no APERS pelo valor de R$ 15,00, e em breve estará disponível também em formato PDF no site do APERS.

    Confira as fotos do evento!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Participação do APERS no I Seminário do Centro de Memória Regional do Judiciário – 10 anos de história

Deixe um comentário


     Realizado pelo Instituto de Memória Histórica e Cultural da Universidade de Caxias do Sul, na semana de 7 a 11 de novembro, o I Seminário do Centro de Memória Regional do Judiciário, cujo objetivo foi conhecer e divulgar a produção historiográfica elaborada em todo o país a partir da utilização de fontes judiciais, contou com a participação de arquivistas do Arquivo Público do RS no dia 09 de novembro.

     As arquivistas Aline Maciel, Camila Couto e Maria Cristina Fernandes apresentaram as fontes documentais do Poder Judiciário sob custódia do APERS, bem como o trabalho de organização realizado pelas equipes de Descrição e de Gerenciamento do Acervo, e o trabalho da equipe de Pesquisa Histórica na realização de pesquisas, projetos e promoção de eventos sobre a temática.

     Estiveram presentes também, a servidora do Poder Judiciário, Anelda de Oliveira, apresentando o trabalho realizado pelo Arquivo do Tribunal de Justiça do Estado do RS e o professor Arno Wehling, presidente do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro. Este elogiou a publicação dos Catálogos Seletivos Documentos da Escravidão e a realização de atividades voltadas para Educação Patrimonial no APERS.

     Um dos objetivos do evento foi conhecer e divulgar a produção historiográfica produzida em todo o país a partir da utilização de fontes judiciais.

Acesse os Catálogos Seletivos Documentos da Escravidão nos links abaixo:

Documentos da Escravidão – Cartas de Liberdade Vol. 1

Documentos da Escravidão – Cartas de Liberdade Vol. 2

Documentos da Escravidão – Compra e Venda

Documentos da Escravidão – Inventários Vol. 1 e 2

Documentos da Escravidão – Inventários Vol. 3 e 4

Documentos da Escravidão – Processos Crimes

Documentos da Escravidão – Testamentos

APERS participa do I Seminário Internacional Sobre Enfrentamento à Corrupção

Deixe um comentário

Durante os dias 7 e 8 de novembro realizou-se no auditório do Ministério Público, o I Seminário Internacional Sobre Enfrentamento à Corrupção. Evento de iniciativa da Escola de Governo do Estado do Rio Grande do Sul em parceria com o Ministério Público do Estado e organizado pela Subchefia de Ética, Controle Público e Transparência da Casa Civil.

Com duração de aproximadamente dez horas, o Seminário proporcionou aos participantes uma ampla visão sobre os fatores que possibilitam o surgimento das práticas de corrupção que permeiam as esferas da administração direta e indireta.

A mesa abordou os avanços e conquistas dos últimos anos no enfrentamento à corrupção, especialmente a partir de 2003, ano em que foi criada a Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro – ENCCLA.

Os painéis apresentados no Seminário foram:

  • Atuação em rede no combate à corrupção e à lavagem de dinheiro;

  • O controle institucional e social no combate à corrupção;

  • Democracia e corrupção na crise do modelo social europeu;

  • As instituições no enfrentamento à corrupção;

  • A transparência e opinião pública como instrumento de combate à corrupção;

  • Combate à corrupção no estado democrático de direito;

O APERS foi representado no evento por sua diretora Isabel Perna Almeida e pelo servidor Luiz Antonio de Oliveira.

Votação Concurso Cultural Dia Nacional da Consciência Negra

Deixe um comentário

 

Estas são as frases escolhidas para a votação do

Concurso Cultural do APERS


FRASE 1, enviada por Ieda Bernardes Toso:

Representa a luta por igualdade, e um momento de reflexão, para SOMAR amor no coração SUBTRAIR a discriminação MULTIPLICAR conscientização DIVIDIR definitivamente os elos da escravidão!

FRASE 2, enviada por Maria de Lurdes Jorge Viana Silveira:

Nossas raízes são o exemplo de luta, pois foram regadas de lágrimas dos pés largamos o peso das correntes, abraçamos o tronco com o carinho do chicote, com uma carta a esperança. Voltamos a ser criança.

FRASE 3, enviada por Adriana Costa:

Qual a função do tempo? A História serve como advertência quanto aos erros do passado? Se sim, aos historiadores cabe então o encargo da conscientização. Dia 20 de novembro, Dia Nacional da Consciência Negra, divulgue, debata, reflita. Não deixe que o preconceito ainda tenha espaço no nosso tempo. Tenha orgulho do seu passado, da luta da nossa gente.

Abaixo participe da Enquete!

A I Jornada História e Gênero foi um sucesso!

Deixe um comentário

    Nos dias 04 e 05 de novembro foi realizada no Arquivo Público a I Jornada História e Gênero. As expectativas em relação ao evento foram atendidas: tivemos 58 participantes inscritos, isto sem mencionar os integrantes da comissão organizadora e da equipe de monitores do Arquivo, que acompanharam cada atividade.

    As mesas redondas, que lotaram o Auditório Marcos Justo Tramontini, foram bastante instigantes e provocativas. As sessões de comunicações, distribuídas por seis espaços diferentes do APERS, demonstraram o quanto pode ser multidisciplinar o campo de pesquisa relacionado à categoria gênero: foram aprovados para apresentação 42 trabalhos com diferentes enfoques temáticos, organizados em seis eixos que relacionam gênero com diferentes abordagens e expressam a riqueza do evento – corpo, sexualidade e saúde; imagens e representações; teoria, historiografia e fontes; literatura e práticas de leitura; mundos do trabalho; e política.

    Entre os comunicadores esteve a historiadora Clarissa Sommer Alves, funcionária do APERS, que apresentou o trabalho intitulado Gênero e história nas relações familiares a partir de fontes primárias arquivísticas, divulgando e apresentando reflexões sobre o projeto de pesquisa histórica e descrição documental Afinal, onde estão as mulheres no APERS?, que vem sendo desenvolvido no Arquivo Público desde março deste ano com o intuito de prover pesquisas relacionadas à gênero e história das mulheres a partir de fontes primárias arquivísticas.

    Pretende-se lançar os anais do evento no primeiro semestre de 2012. Assim que o material estiver disponível, divulgaremos. Parabéns ao GT de Estudos de Gênero da ANPUH-RS e ao APERS pela iniciativa, que certamente trará bons frutos a partir do incentivo a mais e melhores pesquisas nesta área!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Participe do lançamento dos Anais da IX Mostra de Pesquisa do APERS!

Deixe um comentário


Sábados de funcionamento da Sala de Pesquisa do APERS – mês de novembro

Deixe um comentário

     Visando atender melhor aos seus pesquisadores, o APERS optou por abrir a Sala de Pesquisa dois sábados por mês, das 9 às 14 horas, mediante solicitação prévia da documentação.

   Para isso o pesquisador pode solicitar os documentos no balcão de atendimento presencial ou por email (saladepesquisa@sarh.rs.gov.br), telefone (51 3288 9104) ou, ainda através do Balcão Virtual.

     Em novembro a sala de pesquisa do APERS atenderá nos seguintes sábados: dias 19/11 e 26/11.

    No mês de outubro 16 usuários realizaram suas pesquisas aos sábados. Os temas pesquisados foram: escravidão, imigração francesa, genealogia, paleografia, gênero e História do Rio Grande do Sul.

    Agende você também a sua pesquisa!

Visita guiada

Deixe um comentário

Na manhã de sábado, dia 29 de outubro, o APERS recebeu a visita de 25 acadêmicos do 2º semestre do Curso deArquivologia da FURG.

O grupo, acompanhado pela professora Roberta Medeiros, realizou exercícios práticos de leitura paleográfica com base nos documentos de nosso acervo.

A visita foi realizada pelos servidores Carlos Henrique Nery, Maria Lúcia Souto e Gabriel Russo.

III Simpósio Baiano de Arquivologia – III SBA

Deixe um comentário

     No dia 27 de outubro a servidora Viviane Portella de Portella apresentou estudo sobre os usuários do APERS no III Simpósio Baiano de Arquivologia – III SBA. O evento ocorreu de 26 a 28 de outubro em Salvador, tendo por temática as “Políticas Arquivísticas na Bahia e no Brasil”, discutida em três eixos: Políticas de formação; Políticas de acesso à informação; e Políticas públicas institucionais.

     A participação no evento consistiu em uma oportunidade de compartilhar experiências e conhecimentos técnico-científicos na área. Além disso, foi possível divulgar as ações do APERS, a partir da apresentação sobre o “Perfil dos usuários do Arquivo Público do Rio Grande do Sul”, na sessão de comunicações livres.

Participe da I Jornada História e Gênero!

Deixe um comentário

Exposição Ofício Coletivo

Deixe um comentário

      A exposição OFÍCIO COLETIVO, a ser inaugurada no Arquivo Público do Estado no dia 05 de Novembro, próximo sábado, vem comprovar de forma documental o ofício e a determinação da arte, em um apanhado da produção de quatro Capitais e o Distrito Federal: Brasília, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, São Paulo e Porto Alegre.

     Os trabalhos imprimem o ofício da arte. Essa profissão que por alguns foi traçada de forma acadêmica e em outros casos imposto pela vida, e que neste encontro independente dos caminhos percorridos de forma solitária, na união torna-se coletivo.

      A exposição conta com: desenho, pintura, gravura, escultura e fotografia.

    Artistas: Amanda Teixeira, Ana Flor, Augusto Lima, Bruna Canepa, Camila Piovesan, Clara Valente, Fabio Abbud da Silva, Gilherme Moojen, João Maciel, Larice Barbosa, Luis FernandoTavares ( Matuto), Kauê Garcia, Maisa Ferreira, Pedro Cupertino, Renan Santos, Yan Copelli.

      Curadoria: Vital Lordelo.

%d blogueiros gostam disto: