A arquivista Aline Maciel e a historiadora Clarissa Sommer participaram do XVII Congresso Brasileiro de Arquivologia, que ocorreu no Rio de Janeiro entre os dias 18 e 22 de junho e que teve como tema central Preservação, Acesso, Difusão: desafios para as instituições arquivísticas no século XXI.

     Ambas apresentaram o trabalho intitulado “Promoção do acesso aos arquivos públicos através de programas e projetos de descrição e difusão: experiências do Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul”, na sessão de Comunicações Livres, que debatia as novas perspectivas para o acesso ao patrimônio arquivístico no século XXI.

     O trabalho apresenta a atuação do APERS na formulação de instrumentos que visam difundir o potencial sócio-cultural de seus acervos, bem como duas linhas de ação da instituição que auxiliam na ampliação do acesso ao acervo e ao espaço do Arquivo: o projeto de descrição documental “Afinal, onde estão as mulheres no Arquivo Público? Gênero, memória e história” e o programa de Educação Patrimonial e Cidadania. Demonstra também como essas linhas de ações são viabilizadas através do trabalho arquivístico realizado na instituição.

     Além das Comunicações Livres, o evento contou com plenárias que debateram temas importantes para os arquivos na atualidade tais como uso de ferramentas tecnológicas para divulgação do acervo, preservação e uso de documentos eletrônicos, políticas nacionais de arquivos, formação dos profissionais que atuam em arquivos, entre outros. Decidiu-se que a realização do próximo Congresso Brasileiro ocorrerá em 2015, na cidade de Belo Horizonte / MG.

     A participação no evento colaborou para troca de experiências entre profissionais da área e divulgação das atividades realizadas pelo APERS.

Anúncios