APERS participa do XII Encontro Estadual de História ANPUH/RS

Deixe um comentário

     Na última semana, entre os dias 11 e 14 de agosto, aconteceu o XII Encontro Estadual de História ANPUH/RS: História, Verdade e Ética; onde foram exibidos pôsteres referentes às oficinas do Programa de Educação Patrimonial do Arquivo Público do RS (APERS) em parceria com a Universidade Federal do RS (UFRGS).

     A participação do APERS ocorreu no dia 12, na sessão de “Extensão”, onde os estagiários Gabriel Chaves Amorim e Guilherme Tortelli apresentaram o trabalho intitulado História, memória e verdade: reflexão sobre desafios éticos a partir da aplicação da oficina “Resistência em Arquivo: Patrimônio, Ditadura e Direitos Humanos”; já o bolsista Gustavo Mor Malossi e o estagiário Eduardo Hass da Silva expuseram o trabalho denominado Patrimônio, Escravidão e Ensino: abordagens e desafios éticos no ensino sobre escravidão no Rio Grande do Sul a partir da oficina “Os Tesouros da Família Arquivo”. Ambos trabalhos tiveram a orientação da servidora Clarissa Sommer Alves.

     Participar do evento permitiu a troca de experiências com pesquisadores de diferentes partes do Estado, dando subsídios teóricos e metodológicos para continuar desenvolvendo e aprimorando as atividades desenvolvidas no Programa de Educação Patrimonial, bem como possibilitou a divulgação das atividades, criando novas possibilidades de pesquisa e problematização.

I Simpósio Internacional sobre História e Cultura Negra: o APERS participou!

Deixe um comentário

   Visando difundir as atividades realizadas pelo Arquivo Público do RS, a instituição participou na última semana do I Simpósio Internacional sobre História e Cultura Negra, ocorrido entre os dias 18 e 22 de novembro de 2013 na FAPA (Faculdade Porto-Alegrense), realizando duas apresentações. A primeira delas, Os Tesouros da Família Arquivo: Resgatando Sujeitos e Identidades de Escravizados no RS, aconteceu no dia 20 de novembro, sendo apresentada pelos estagiários Andréia Suris e Eduardo Hass da Silva. A apresentação consistiu em mostrar as atividades de resgate histórico da identidade de sujeitos escravizados no estado, realizadas em uma das oficinas do Programa de Educação Patrimonial, Os Tesouros da Família Arquivo.

   A segunda apresentação, Patrimônio, Cultura, História da África e Afro-brasileira no Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul: reflexões sobre a aplicabilidade da Lei 10.639, aconteceu no dia 22 de novembro, sendo feita pelo estagiário Alexandre Ávila e pela historiadora do Arquivo Vanessa Menezes. A comunicação consistiu em mostrar os resultados do curso para professores Aplicando a Lei 10.639: Patrimônio, Cultura, História da África e Afro-brasileira, sendo apresentado o cronograma do evento, fotos das atividades realizadas no curso e os temas e assuntos trabalhados em todas as mesas. Ao final, apresentou-se os resultados: número de participantes e o retorno dos mesmos, abrindo a possibilidade de realização de uma segunda edição.

   Foi com muita satisfação que o Arquivo Público do RS participou do evento, e espera poder estar presente nas próximas edições.

Este slideshow necessita de JavaScript.

%d blogueiros gostam disto: