Projeto “Os Caminhos da Matriz” retoma suas atividades com novos itinerários!

Deixe um comentário

O projeto cultural Os Caminhos da Matriz surgiu em 2009 por uma iniciativa conjunta cujo principal articulador foi o Memorial do Ministério Público, tendo como objetivo a aproximação da população com o patrimônio histórico-cultural de Porto Alegre. Em 2011 o Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul passou a integrá-lo, ampliando o número de instituições participantes. Isso exigiu que seu comitê organizador readequasse o projeto, que passou a ter dois roteiros, em agrupamentos de três instituições cada, com visitações que se alternam mensalmente, sempre no último sábado de cada mês.

A nova dinâmica tornou o projeto ainda mais atrativo, e o “Caminhos da Matriz” certamente tornou-se uma opção de atividade cultural reconhecida em Porto Alegre, promovida por órgãos públicos estaduais que envolve instituições representativas dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, do Ministério Público e da Igreja Católica.

A edição 2019 iniciou-se no dia 28 de abril, com novidades em seus roteiros, assim distribuídos entre as instituições culturais que circundam a Praça da Matriz:

Roteiro 1 – Instituições: Museu Júlio de Castilhos, Catedral Metropolitana e Cúria Metropolitana (19 de outubro)

Roteiro 2 – Arquivo Público do Estado do RS, Memorial do Legislativo e Solar dos Câmara (30 de novembro) 

Roteiro 3 – Memorial do Ministério Público, Memorial do Judiciário e Biblioteca Pública do Estado (28 de setembro)

Neste sábado, 31 de agosto, coube ao APERS o início da visita e ao Memorial do Legislativo a fala sobre as instituições do entorno da praça e a significação do monumento em homenagem ao Júlio de Castilhos. Confira as fotos:

Para participar das próximas visitas, basta estar na Praça da Matriz às 14 horas no último sábado de cada mês. O evento é gratuito e não necessita inscrição prévia. Em caso de chuva, o grupo reúne-se na marquise do Memorial do Judiciário. Informações pelo e-mail caminhosdamatriz@gmail.com ou pela página do projeto no Facebook (para acessar, clique aqui). 

Visitas guiadas ao APERS – Outubro 2018

Deixe um comentário

No mês de outubro foram realizadas 14 visitas guiadas ao conjunto arquitetônico do Arquivo Público RS, para conhecer mais informações sobre a história, organização e funcionalidades da nossa instituição. Estiveram por aqui:

  • Dia 02: 27 alunos do SENAC-RS Comunidade, curso Educação Profissional Técnica de Nível Médio (Qualificação e Habilitação Técnica), acompanhados pela professora Elisangela Valente dos Reis.
  • Dia 05: pela manhã, 21 alunos do SENAC-RS Comunidade, curso Educação Profissional Técnica de Nível Médio (Qualificação e Habilitação Técnica), disciplina Almoxarifado e Arquivo do Curso Auxiliar Administrativo, acompanhados pelo professor André Luís de Souza Lima.
  • Dia 05: à tarde, 29 alunos do SENAC-RS Comunidade, curso Educação Profissional Técnica de Nível Médio (Qualificação e Habilitação Técnica), acompanhados pela professora Leandra C. Freitas.
  • Dia 08: 17 alunos do SENAC-RS Comunidade, curso Educação Profissional Técnica de Nível Médio (Qualificação e Habilitação Técnica), disciplina Almoxarifado e Arquivo do Curso Auxiliar Administrativo, acompanhados pelo professor André Luís de Souza Lima.
  • Dia 08: Pela tarde, 10 alunos do SENAC-RS Comunidade, curso Educação Profissional Técnica de Nível Médio (Qualificação e Habilitação Técnica), acompanhados pelas professoras Marina Vershinina e Natalia.
  • Dia 11: 68 alunos do Cesi – Zona Sul, disciplina de história, acompanhados pela professora Tassiana M. P. Saccol.
  • Dia 19:  24 alunos do Colégio Tiradentes da Brigada Militar de Porto Alegre, disciplina: História (1º ano do ensino médio), acompanhados pela professora Carla Xavier dos Santos.
  • Dia 20: aproximadamente 14 visitantes participaram do roteiro de visitas guiadas “Os Caminhos da Matriz”; onde conhecem as instituições culturais que circundam a Praça da Matriz um sábado por mês. O grupo se encontrou na Praça da Matriz e seguiu para uma visita guiada no Arquivo Publico RS, em seguida, Biblioteca Pública do Estado e Museu Júlio de Castilhos.
  • Dia 22: 28 alunos do Colégio Tiradentes da Brigada Militar de Porto Alegre, disciplina: História (1º ano do ensino médio), acompanhados pela professora Carla Xavier dos Santos.
  • Dia 22: Pela tarde, a sargento Rosane Lyra do Colégio Tiradentes da Brigada Militar de Porto Alegre e sua filha visitou o APERS com o objetivo de conhecer sua arquitetura e seu funcionamento.
  • Dia 24: 15 alunos do Instituto Murialdo – Centro de Formação Profissional,  acompanhados por Pedro Leivas, Coordenação Pedagógica Programa Jovem Aprendiz.
  • Dia 24: Ricardo de Araújo Rodrigues visitou o APERS, com o objetivo de conhecer o conjunto arquitetônico e seu funcionamento.
  • Dia 29: 27 alunos do Colégio Tiradentes da Brigada Militar de Porto Alegre, disciplina: História (1º ano do ensino médio), acompanhados pela professora Carla Xavier dos Santos, e a soldada Riela.
  • Dia 30: 15 alunos do Programa INTEGRAR/RS – Programa Jovem Aprendiz, da disciplina de Almoxarifado e Arquivo, acompanhados pela professora Daniela Liciane Oldenburg.

Guias: Iara Gomide e Marta Helena de Araújo.

Confira o álbum de fotos das visitas guiadas do mês de setembro em nosso Facebook, clicando aqui.

Um dos serviços de nossa instituição é a realização de visitas guiadas ao conjunto arquitetônico do Arquivo Público do…

Posted by Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul on Wednesday, November 7, 2018

 

    Lembramos que são oferecidas, semanalmente, visitas guiadas ao conjunto arquitetônico, com duração de 1h30min, nas segundas-feiras às 14h30min e nas sextas-feiras às 10h. Agende sua visita pelo e-mail visitas@smarh.rs.gov.br ou ligue para (51) 3288 9134.

Visitas guiadas ao APERS – Julho 2018

Deixe um comentário

    No mês de julho foram realizadas 10 visitas guiadas ao conjunto arquitetônico do Arquivo Público do RS, onde os visitantes puderam conhecer sobre o funcionamento, a história, os prédios, acervo e tipos de documentos do APERS. Visitaram nossa instituição:

  • Dia 06: 03 servidores do INCRA, sendo Naíra C. Daubermann, Eduardo S. de Quadros e Vanessa Santos, com o objetivo de conhecer o conjunto arquitetônico e o acervo das Cartas de Liberdade.
  • Dia 10: 30 alunos do SENAC-RS Comunidade, do curso Educação Profissional Técnica de Nível Médio de Qualificação e Habilitação Técnica, acompanhados pela Orientadora de Educação Profissional Melissa Danda.
  • Dia 13: 21 alunos do SENAC-RS Comunidade, do curso Educação Profissional Técnica de Nível Médio de Qualificação e Habilitação Técnica, acompanhados pela Orientadora de Educação Profissional Lilian Rocha de Santana.
  • Dia 17: Pela manhã, 65 alunos da Escola Estadual Bento Gonçalves de Canoas-RS, acompanhados pelas professoras Luciane Brum, Caroline Castro e Cibele Gaspem.
  • Dia 17: Pela tarde, 21 alunos do Instituto do Murialdo – Centro de Formação Profissional, Coordenação Pedagógica Programa Jovem Aprendiz, acompanhados da Professora Jôse Pereira Martins.
  • Dia 19: 13 alunos do Programa INTEGRAR/RS – Programa Jovem Aprendiz, da disciplina de Almoxarifado e Arquivo, acompanhados pela professora Daniela Liciane Oldenburg.
  • Dia 20: 08 participantes do evento Seminário 130 Anos de, Abolição incompleta da Escravidão no Brasil visitaram o APERS.
  • Dia 24: o casal Monica M. Gutierrez (uruguaia) e Miguel A. O. Rodriguez (peruano) visitaram o Arquivo Público.
  • Dia 28: aproximadamente 10 pessoas participaram do roteiro de visitas guiadas “Os Caminhos da Matriz”; onde conhecem as instituições culturais que circundam a Praça da Matriz um sábado por mês. O grupo se encontrou na Praça da Matriz, e seguiu para uma visita guiada no Arquivo Publico RS. Logo após, na Biblioteca Pública do Estado e no Museu Júlio de Castilhos. Foi uma caminhada animada, com um público atento e curioso, com questionamentos e registros fotográficos, que demonstrou interesse em voltar ao APERS para outras atividades.

Guias: Giglioli Rodrigues e Iara Gomide.

Confira o álbum de fotos das visitas guiadas do mês de julho em nosso Facebook, clicando aqui.

Um dos serviços de nossa instituição é a realização de visitas guiadas ao conjunto arquitetônico do Arquivo Público do…

Posted by Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul on Wednesday, October 31, 2018

 

    Lembramos que oferecemos, semanalmente, visitas guiadas ao conjunto arquitetônico, com duração de 1h30min, nas segundas-feiras às 14h30min e nas sextas-feiras às 10h. Agende sua visita pelo e-mail visitas@smarh.rs.gov.br ou ligue para (51) 3288 9134.

Visitas guiadas ao APERS – Abril 2018

Deixe um comentário

   No mês de abril foram realizadas 16 visitas guiadas ao conjunto arquitetônico do Arquivo Público RS. Visitaram nossa instituição:

  • Dia 03: 20 alunos do SENAC-RS Comunidade, curso Educação Profissional Técnica de Nível Médio (Qualificação e Habilitação Técnica), acompanhados pela professora Lucélia de Souza Carlos, com o objetivo de conhecer o funcionamento do Arquivo Público, tipos de documentos, métodos e técnicas de arquivamento.
  • Dia 04: 21 alunos do INTEGRAR/RS – Programa Jovem Aprendiz, disciplina de Almoxarifado e Arquivo, acompanhados pela professora Barbara C. Dias de Mello, com o objetivo de conhecer o funcionamento do Arquivo Público, tipos de documentos, métodos e técnicas de arquivamento.
  • Dia 09: 26 alunos do Colégio La Salle, acompanhados pela professora Cristina Horta, com o objetivo de conhecer o funcionamento do Arquivo Público e conhecer sobre processos crimes da antiga Porto Alegre para reportagem no Jornal Histórico da Escola, nas comemorações dos 110 anos.
  • Dia 10: 10 alunos do INTEGRAR/RS – Programa Jovem Aprendiz, disciplina de Almoxarifado e Arquivo, acompanhados pelo professor Diego Capitão, com o objetivo de conhecer o funcionamento do Arquivo Público, tipos de documentos, métodos e técnicas de arquivamento.
  • Dia 12: 02 alunos da Escola Técnica Cristo Redentor, acompanhados pela professora Andrea Fontoura, com o objetivo de conhecer o funcionamento do Arquivo Público, conhecimento teórico sobre gestão de documentos, métodos e técnicas de arquivamento.
  • Dia 17: 15 alunos da Renapsi RS – Rede Nacional de Aprendizagem, Promoção Social e Integração, acompanhados da professora Francieli Santos da Silva, com o objetivo de conhecer a Instituição, suas funções e importância na preservação e guarda de documentos.
  • Dia 18: 12 alunos da Renapsi RS – Rede Nacional de Aprendizagem, Promoção Social e Integração, acompanhados do professor Alexsando J.L., pelo turno da manhã, com o objetivo de conhecer o funcionamento do Arquivo Público, tipos de documentos, métodos e técnicas de arquivamento.
  • Dia 18: 16 alunos da Renapsi RS – Rede Nacional de Aprendizagem, Promoção Social e Integração, acompanhados da professora Francieli Santos da Silva, pelo turno da tarde, com o objetivo de conhecer o funcionamento do Arquivo Público, conhecimento teórico sobre gestão de documentos, métodos e técnicas de arquivamento.
  • Dia 19: 26 alunos do SENAC-RS Comunidade do curso Educação Profissional Técnica de Nível Médio (Qualificação e Habilitação Técnica), acompanhados pela professora Tainá Araújo, com o objetivo de conhecer o funcionamento do Arquivo Público, conhecimento teórico sobre gestão de documentos, métodos e técnicas de arquivamento.
  • Dia 20: Frederico Engel, repórter estagiário do Jornal do Comércio, pelo turno da manhã, com o objetivo de conhecer o APERS e fazer um documentário para cumprir a grade curricular do curso de jornalismo da PUC/RS.
  • Dia 20: 23 alunos da Renapsi RS – Rede Nacional de Aprendizagem, Promoção Social e Integração, acompanhados do professor Alexsandro J. L, pelo turno da tarde, com o objetivo de conhecer o funcionamento do Arquivo Público, conhecimento teórico sobre gestão de documentos, métodos e técnicas de arquivamento.
  • Dia 23: Paulo Ricardo Menegaz, médico de Passo Fundo/RS, com o objetivo de conhecer o funcionamento do Arquivo Público e fazer pesquisa genealógica.
  • Dia 24: 16 alunos da Renapsi RS – Rede Nacional de Aprendizagem, Promoção Social e Integração, acompanhados do professor Alexsandro J.L., pelo turno da manhã, com o objetivo de conhecer o funcionamento do Arquivo Público, conhecimento teórico sobre gestão de documentos, métodos e técnicas de arquivamento.
  • Dia 24: 12 alunos do Instituto Murialdo – Centro de Formação Profissional,  acompanhados do professor Andrey Moser, pelo turno da manhã, com o objetivo de conhecer o funcionamento do Arquivo Público, conhecimento teórico sobre gestão de documentos, métodos e técnicas de arquivamento.
  • Dia 28: aproximadamente 45 visitantes participaram do roteiro de visitas guiadas “Os Caminhos da Matriz”; onde conhecem as instituições culturais que circundam a Praça da Matriz um sábado por mês. O grupo se encontrou na Praça da Matriz, pontualmente às 14 horas e seguiu para uma visita guiada no Arquivo Publico RS. Logo após, na Biblioteca Pública do Estado e no Museu Júlio de Castilhos. Foi uma caminhada animada, com um público atento e curioso! Muitos questionamentos e registros fotográficos. Demonstraram interesse em voltar ao APERS, para conhecer mais detalhes sobre o funcionamento e pesquisarem suas descendências em nosso acervo.

    Os Caminhos da Matriz

  • Dia 30: Camila Frains e Priscila Pithan da Escola Técnica Cristo Redentor, com o objetivo de conhecer o funcionamento do Arquivo Público, conhecimento teórico sobre gestão de documentos, métodos e técnicas de arquivamento.

Confira o álbum de fotos das visitas guiadas do mês de abril em nosso Facebook, clicando aqui.

Guias: Carlos Henrique Armani Neri, Caroline A. Baseggio, Giglioli Rodrigues e Iara Gomide.

Lembramos que oferecemos, semanalmente, visitas guiadas ao conjunto arquitetônico, com duração de 1h30min, nas segundas-feiras às 14h30min e nas sextas-feiras às 10h. Agende sua visita pelo e-mail visitas@smarh.rs.gov.br ou ligue para (51) 3288 9134.

Programação “Os Caminhos da Matriz” 2018

Deixe um comentário

O Projeto “Os Caminhos da Matriz” tem o objetivo de aproximação entre a população e o patrimônio histórico e cultural de Porto Alegre e retoma suas atividades com novos itinerários!

A edição desse ano inicia no dia 28 de abril e abre com a novidade de três novos roteiros distribuídos entre as instituições culturais que circundam a Praça da Matriz, confira:

  • Roteiro 1 – Instituições: Arquivo Público do RS, Biblioteca Pública do Estado e Museu Júlio de Castilhos. Datas: 28 de abril; 28 de julho e 20 de outubro de 2018.
  • Roteiro 2 – Instituições: Solar dos Câmara/Memorial do Legislativo, Catedral/Cúria Metropolitana e Museu Júlio de Castilhos. Datas: 26 de maio; 25 de agosto e 24 de novembro de 2018.
  • Roteiro 3 – Instituições: Museu Júlio de Castilhos, Memorial do Ministério Público e Memorial do Judiciário. Datas: 30 de junho e 29 de setembro de 2018.

Coube ao APERS a abertura da edição 2018 do Projeto “Os Caminhos da Matriz”, integrando o Roteiro 1. Para participar basta estar,  às 14 horas deste sábado, na Praça da Matriz próximo ao portão do Arquivo Público do RS, ao lado do estacionamento da Assembleia Legislativa.

A programação é gratuita e ocorre no último sábado de cada mês! A única exceção será o mês de outubro, em que a visita ocorrerá no penúltimo sábado, devido ao calendário de feriados do estado.

Acompanhe as informações sobre Os Caminhos da Matriz também na página do Facebook, clique aqui para acessar.

 

Arquivo Público participa dos “Caminhos da Matriz” no próximo sábado, dia 25.

Deixe um comentário

No próximo sábado, dia 25 de novembro, acontece o último encontro de 2017 do roteiro de visitas guiadas Os Caminhos da Matriz, por meio do qual as instituições culturais que circundam a Praça se reúnem para oportunizar aos cidadãos visitas mensais e gratuitas.

Nesta edição o Arquivo Público do RS participará do Roteiro 2, junto ao Memorial do Judiciário e a Biblioteca Pública. Esperamos todos na Praça da Matriz, em frente ao Palácio da Justiça, às 14 horas para o início o passeio! Em caso de chuva o evento será cancelado. Para acompanhar o evento pelo Facebook clique aqui.

Visitas guiadas ao APERS – Julho 2017

Deixe um comentário

No mês de julho foram realizadas 4 visitas guiadas ao conjunto arquitetônico do Arquivo Público do RS. Visitaram nossa instituição:

Dia 6: 6 representantes do Grupo de Trabalho do Manual de Redação Oficial. Após a reunião do grupo, os representantes quiseram conhecer um pouco mais sobre o Arquivo Público.

Dia 11: 20 alunos da Escola Técnica Universitário, da turma de Organização e Métodos, acompanhados da Prof.ª Cíntia Rebello. O objetivo da visita foi conhecer a parte prática de um Arquivo, sua conservação, importância, bem como saber um pouco sobre a teoria das três idades.

Dia 11: 29 alunos do Senac Comunidade, acompanhados da Prof.ª Viviane Marina Barcarolo. O objetivo da visita foi complementar a teoria da sala de aula com a prática da visitação ao Arquivo Público do Estado.

Dia 29: 59 pessoas participaram da visita guiada do projeto “Os Caminhos da Matriz”, sendo realizado o Roteiro 2: Memorial do Judiciário, Arquivo Público do Estado e Biblioteca Pública do Estado. O objeto da visita e do projeto é sensibilizar a população sobre a importância da preservação do patrimônio edificado do entorno da Praça da Matriz e, especificamente no Arquivo Público, da documentação custodiada.

Guias: Caroline Acco Baseggio, Carlos Henrique Armani Neri, Giglioli Rodrigues e Jonas Ferrigolo Melo.

Lembramos que oferecemos, semanalmente, visitas guiadas ao conjunto arquitetônico, com duração de 1h30min, nas segundas-feiras às 14h30min e nas sextas-feiras às 10h. Agende sua visita pelo e-mail visitas@smarh.rs.gov.br ou ligue para (51) 3288 9127.

Arquivo Público participa dos “Caminhos da Matriz” no próximo sábado, dia 27.

Deixe um comentário

O projeto Os Caminhos da Matriz terá seu segundo encontro de 2017 no próximo sábado dia 27 de maio.

O projeto que busca aproximar a população do patrimônio histórico e cultural da cidade de Porto Alegre teve sua primeira edição de 2017 no dia 6 de maio com as visitas do roteiro 1 ao Memorial do Ministério Público, Cúria Metropolitana e Memorial do Legislativo. No próximo sábado, as instituições que fazem parte do roteiro 2 são o Memorial do Judiciário, Arquivo Público e Biblioteca Pública.

Agende-se e participe! O ponto de encontro é na praça da Matriz às 14h. Em caso de chuva o evento será cancelado.

Os Caminhos da Matriz: APERS fará parte do Roteiro do dia 26 de novembro!

Deixe um comentário

No próximo sábado, dia 26 de novembro, acontecerá mais uma edição do roteiro de visitas guiadas Os Caminhos da Matriz, por meio do qual as instituições culturais que circundam a Praça se reúnem para oportunizar aos cidadãos visitas mensais e gratuitas.

Nesta edição o Arquivo Público do RS participará do Roteiro 2 junto com a Cúria Metropolitana e o Solar dos Câmara/Memorial do Legislativo. Esperamos todos na Praça da Matriz, às 14 horas para o início o passeio!2016.07.27 Caminhos da Matriz

Os Caminhos da Matriz: APERS fará parte do Roteiro do dia 24 de setembro!

Deixe um comentário

    No próximo sábado, dia 24 de setembro acontecerá mais uma edição do roteiro de visitas guiadas Os Caminhos da Matriz, por meio do qual as instituições culturais que circundam a Praça se reúnem para oportunizar aos cidadãos visitas mensais e gratuitas.

    Nesta edição o Arquivo Público do RS participará do Roteiro 2 junto com a Cúria Metropolitana e o Solar dos Câmara/Memorial do Legislativo. Esperamos todos na Praça da Matriz, às 14 horas para o início o passeio!

2016.07.27 Caminhos da Matriz

APERS Entrevista: Caroline Acco Baseggio

Deixe um comentário

2016.08.31 APERS Entrevista CarolineCaroline Acco Baseggio é graduada em História pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e cursa especialização em História do Rio Grande do Sul na Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Atualmente, atua na Sala de Pesquisa do Arquivo Público do RS e no Projeto Os Caminhos da Matriz. Confira nossa entrevista com Caroline em alusão ao dia do historiador:

Blog do APERS: Caroline, você poderia comentar um pouco sobre como decidiu cursar História?

Caroline: Até o 2º ano do ensino médio, eu queria ser jornalista esportiva e trabalhar em rádio. Sempre gostei muito de futebol, e lembro que na época estava surgindo a Débora de Oliveira na Bandeirantes aqui do RS (anos mais tarde me dei conta de como a representatividade é importante). A partir do 3º ano, as questões políticas e sociais começaram a me tocar mais, e então pensei em procurar um curso em que pudesse estudar e aprender mais sobre a realidade, a economia, política… a opção pela História surgiu naturalmente De forma nada modesta, o que eu queria mesmo era mudar o mundo. Hoje, sei que poderia ter cursado Psicologia, Direito, Ciências Sociais e, todas essas áreas, de alguma forma, me ajudariam nesse objetivo de entender o ser humano e a realidade em que ele vive, que constrói para si mesmo.

Blog do APERS: No Arquivo Público do RS, tu tens colaborado especialmente com a área de acesso, atuando junto aos pesquisadores na Sala de Pesquisa. No teu entendimento, qual pode ser a contribuição de um(a) historiador(a) neste importante espaço de uma instituição arquivística?

Caroline: Desde que entrei no Apers, há quase 2 anos e meio, tenho refletido e tentando entender qual o papel de um Historiador no acesso. Na Universidade, pelo menos na minha formação na Ufrgs, não tocávamos nesse tipo de questão. Então, o que entendo sobre o papel do historiador nesse espaço vem muito da prática. Penso que cabe ao Historiador mediar, fazer uma espécie de meio-de-campo entre o Acervo, os instrumentos de pesquisa e os pesquisadores que nos procuram. Exercitar uma escuta mais atenta, tentando pensar, a partir das temáticas e problemas de pesquisa que estes usuários nos trazem quais documentos podem auxiliar. Ter um conhecimento mínimo de outros acervos, para poder indicar locais e fontes, estar atualizada sobre a produção acadêmica e debate historiográfico também são importantes.

Blog do APERS: Tens atuado no Projeto Os Caminhos da Matriz, que em parceria oportuniza visitas guiadas às instituições de memória que circundam a Praça da Matriz. Como tem sido a experiência de difundir o APERS para um público diverso, que muitas vezes não é da área de arquivos ou da história?

Caroline: Então, este é o segundo ano que estou a frente do Projeto, ano passado fazia a parceria com outra colega, a Giglioli. Inicialmente eu tinha bastante dificuldade, achava as visitas pouco proveitosas para o público e isso me frustrava. No início deste ano pude participar das reuniões iniciais com as colegas das outras instituições e isso me ajudou a amadurecer, no sentido de entender que o importante para este público que nos visita aos sábados muitas vezes é somente conhecer, saber que existe escondido no centro de Porto Alegre uma instituição centenária que guarda milhões de documentos e que a maioria nem fazia ideia! Diminui a expectativa de fazer uma visita guiada cheia de informações sobre o Acervo e passei a curtir bem mais o trabalho.

Blog do APERS: A partir de tua experiência no Arquivo Público do RS, qual perfil acreditas que o historiador que atua na área de arquivos deve ter?

Caroline: Acredito que principalmente ser alguém aberto ao diálogo e flexível. Que saiba trabalhar em equipe e disposto a aprender.

Blog do APERS: Enquanto historiadora, podes comentar alguma situação inusitada ou maior desafio vivenciado?

Caroline: A prática de atendimento ao público é sempre algo complicado. Tu lida com anseios, prazos, expectativas. Pessoas que precisam do documento para “ontem”. O maior desafio é lidar com esses aspectos. Há pouco tempo, atendi uma menina que chorou na minha frente, pois precisava de um documento para cidadania italiana e não tínhamos, e ela não aceitava, não entendia. Mas o público, apesar disso, dá muito retorno, é gratificante ver o desenvolvimento das pesquisas, acabei aprendendo a gostar desse contato e a fazer amizades, sentir falta quando algum pesquisador não vem.

Blog do APERS: Para que conheçamos um pouquinho mais sobre você, nas horas vagas quais são tuas atividades preferidas de lazer?

Caroline: Eu gosto de estar com meus amigos, fazer uma janta, beber um vinho. Conversar sobre a vida, o ser humano, “filosofar” mesmo. Dar uma escapada em Canoas no fim de semana, minha cidade do coração, visitar a mãe, o mano, o Pighino (meu cachorro de dez anos).

Blog do APERS: Em alusão ao Dia do Historiador, 19 de agosto, deixe uma mensagem à classe!

Caroline: Eu acho a profissão apaixonante, sem dúvida. Mas precisamos lutar pela profissionalização, pela reserva de mercado, assumir um caráter mais profissional nesse sentido, não termos tanto pudor ao defender nosso espaço. E tudo isso passa pela regulamentação da profissão.

Notícias relacionadas:
APERS Entrevista: Nôva Marques Brando
APERS Entrevista: Clarissa de Lourdes Sommer Alves

Visitas guiadas ao APERS – Julho 2016

Deixe um comentário

No mês de julho foi realizada oito visitas guiadas ao conjunto arquitetônico do Arquivo Público do RS. Visitaram nossa instituição:

Dia 01: 18 alunos da Rede de Ação Social Murialdo acompanhados pela professora Luciane Brum. De acordo com a professora, a parte mais interessante da visita foi a explanação sobre os documentos e os fatos históricos relacionados.

Dia 11: 15 alunos do Curso Técnico em Secretariado do Colégio Politécnico da UFSM acompanhados pelo professor Patri Kayser, com o objetivo de vislumbrar o processo de gestão documental.

Dia 15: 11 alunos do Curso de Auxiliar Administrativo da Rede de Ação Social Murialdo acompanhados pela professora Luciane Brum.

Dia 18: Alexssander Nascentes da Silva do Curso de História Bacharelado Noturno da UFRGS.

Dia 22: 07 pessoas que trabalham em Arquivos, participantes de Curso oferecido pelo IGAM – Instituto Gamma de Assessoria a Órgãos Públicos – acompanhados pela professora Clara Marli Kurtz, que ministra a disciplina de Organização em Arquivos. O grupo teve por objetivo conhecer a estrutura física do APERS, bem como a organização do acervo.

Dia 27: no turno da manhã, 23 Jovens Aprendizes da ESPRO, alunos do Curso Formação para o Mundo do Trabalho, acompanhados pela professora Luana Borges da Silveira. O objetivo da Visita foi conhecer os arquivos e saber o tipo de documentação existente.

Dia 27: no turno da tarde, 22 Jovens Aprendizes da ESPRO, alunos do Curso Formação para o Mundo do Trabalho, acompanhados pela professora Luana Borges da Silveira.

Dia 30: 40 participantes do roteiro de visitas guiadas Os Caminhos da Matriz. Neste roteiro os visitantes conhecem as instituições culturais que circundam a Praça da Matriz um sábado por mês. São oferecidos dois roteiros, o APERS participa com a Cúria Metropolitana e o Solar dos Câmara/Memorial do Legislativo.

Guia: Caroline Acco Baseggio, Carlos Henrique Armani Nery, Iara Gomide Machado.

Os Caminhos da Matriz: APERS fará parte do Roteiro do dia 30 de julho

Deixe um comentário

    No próximo sábado, dia 30 de julho acontecerá mais uma edição do roteiro de visitas guiadas Os Caminhos da Matriz, por meio do qual as instituições culturais que circundam a Praça se reúnem para oportunizar aos cidadãos visitas mensais e gratuitas.

    Nesta edição o Arquivo Público do RS participará do Roteiro 2 junto com a Cúria Metropolitana e o Solar dos Câmara/Memorial do Legislativo. Esperamos todos na Praça da Matriz, às 14 horas para o início o passeio!

 

2016.07.27 Caminhos da Matriz

 

Notícias relacionadas:
APERS entre “Os Caminhos da Matriz”

Visitas guiadas ao APERS – Maio 2016

Deixe um comentário

No mês de maio foram realizadas dez visitas guiadas ao conjunto arquitetônico do Arquivo Público do RS. Visitaram nossa instituição:

Dia 02: Aldo Francesconi, Francily Francesconi, Vanderlei Violin e Alice Violin, acompanhados por Sônia Burnett e João Guilherme Burnett, ambos da Associação dos Amigos do APERS. Os participantes da visita são integrantes da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias e estavam interessados em conhecer como se dá a preservação dos registros armazenados pelo APERS.

Dia 02: Ana Paula Soares Pinheiro, aluna da disciplina de Técnicas de Arquivo da Escola Técnica Cristo Redentor participou da visita com a intenção de conhecer e interagir com o meio Arquivístico.

Dia 04: Roberto Ferreira da Silva, do serviço de protocolo da FDRH, acompanhado de Ariane de Oliveira, Maria Gabriela de Oliveira, Nathália Dutra e Renata Ramos, estagiárias.

Dia 06: 08 alunos do Curso de História da PUCRS, acompanhados pela professora Gislene Monticelle, que ministra a disciplina de História e Acervos. A visita teve por objetivo prestigiar a “Exposição Porto Alegre Imaginada” e conhecer o APERS como um todo.

Dia 07: 22 alunos do Curso de Arquivologia da FURG, acompanhados pela professora Luciana Souza de Brito, que ministra a disciplina de Fundamentos da Arquivologia. O objetivo da visita foi demonstrar as funções do Arquivista e do APERS como Órgão do Estado.

Dia 10: 34 alunos da disciplina de Fundamentos de Arquivologia do Curso de Arquivologia da UFRGS acompanhados pela professora Valéria Bertotti. A professora trouxe os alunos ao APERS para que conhecessem a atuação da instituição desde a produção documental até a guarda e difusão da documentação do Estado, enfatizando os diferentes profissionais envolvidos.

Dia 14: 42 alunos da disciplina Fundamentos do Patrimônio Cultural do Curso de História e da disciplina Museu e suas Representações do Curso de Mestrado em História da UCS, acompanhados pela professora Luiza Horn Iotti. Os principais interesses da turma foi, além de conhecer o prédio e sua história, conhecer as propostas de ações educativas que realizadas pelo Arquivo.

Dia 17: 23 alunos da turma de Introdução à História do Curso de História Noturno da UFRGS acompanhados pelo professor Benito Schmidt.

Dia 21: 25 participantes do roteiro de visitas guiadas Os Caminhos da Matriz. Neste roteiro os visitantes conhecem as instituições culturais que circundam a Praça da Matriz um sábado por mês. São oferecidos dois roteiros, o APERS participa com a Cúria Metropolitana e o Solar dos Câmara/Memorial do Legislativo. Neste mês o passeio ocorrerá dia 25 com visitação ao Memorial do Ministério Público, Memorial do Judiciário do RS e Biblioteca Pública. Participe!

Dia 27: 17 alunos da turma de História dos Registros Humanos da Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação (FABICO) da UFRGS acompanhados pela professora Ana Celina Figueira da Silva. A turma teve por objetivo conhecer o conjunto arquitetônico do APERS, bem como sua história e organização, as atividades oferecidas e o seu papel social.

Guias: Carlos Henrique Nery, Caroline Bassegio, Clarissa Alves, Iara Machado, Nôva Brando.

Lembramos que oferecemos, semanalmente, visitas guiadas ao conjunto arquitetônico, com duração de 1h30min, nas segundas-feiras às 14h30min e nas sextas-feiras às 10h. Agende sua visita pelo e-mail visitas@smarh.rs.gov.br ou ligue para (51) 3288 9112.

Os Caminhos da Matriz: APERS fará parte do Roteiro deste sábado!

Deixe um comentário

    No próximo sábado, 21 de maio, acontecerá mais uma edição do roteiro de visitas guiadas Os Caminhos da Matriz, por meio do qual as instituições culturais que circundam a Praça se reúnem para oportunizar aos cidadãos visitas mensais e gratuitas.

    Nesta edição o Arquivo Público do RS participará do Roteiro 2 junto com a Cúria Metropolitana e o Solar dos Câmara/Memorial do Legislativo. Esperamos todos na Praça da Matriz, às 14 horas para o início o passeio!

Clique na imagem para ampliar.

Clique na imagem para ampliar.

Notícias relacionadas:
APERS entre “Os Caminhos da Matriz”

APERS entre “Os Caminhos da Matriz”

Deixe um comentário

Clique na imagem para ampliar.

Clique na imagem para ampliar.

No dia 30 de abril o roteiro de visitas guiadas Os Caminhos da Matriz retomou suas atividades com novos itinerários! A primeira edição percorreu o Memorial do Ministério Público, o Memorial do Judiciário do RS e a Biblioteca Pública do RS.

No próximo dia 21 de maio, sábado, acontece a segunda edição, que percorrerá a Cúria Metropolitana, o Solar dos Câmara/Memorial do Legislativo e o Arquivo Público do RS!

Você conhece as instituições participantes do próximo roteiro de Os Caminhos da Matriz? Ele é uma ótima oportunidade de saber um pouco mais sobre elas. Mensalmente, no último sábado, às 14h, os interessados se encontram no monumento Júlio de Castilhos, na Praça da Matriz.

Programação gratuita para conhecer melhor a história da cidade de Porto Alegre, por meio das instituições que circundam a praça mais antiga da cidade: a Praça da Matriz!

Relatórios 2015 – DIDOC: Atendimento aos usuários

Deixe um comentário

Dando prosseguimento a nossa série de publicações sobre as principais atividades desenvolvidas pelas equipes do Arquivo Público do RS em 2015, hoje publicamos o relatório a respeito do atendimento aos usuários, realizado pelas equipes da Divisão de Documentação – DIDOC, o qual consiste na disponibilização dos documentos na Sala de Pesquisa, na entrega de documentos comprobatórios aos cidadãos e na recepção de visitantes.

No ano de 2015 atendemos 6.149 usuários, os quais geraram 12.327 solicitações de atendimentos. Como usuários do APERS, aqui consideramos os usuários internos, servidores da Instituição, que demandam acesso aos documentos, visto que o processo de análise e tratamento técnico é uma atividade continua, o cidadão comum e os pesquisadores.

O atendimento ao cidadão comum consiste no fornecimento de cópias de documentos para fins comprobatórios, como certidões de nascimento, casamento e óbito. Em 2015 atendemos a 5.672 cidadãos, os quais requereram um total de 12.262 cópias de documentos, sendo que 2.886 cidadãos realizaram suas solicitações por telefone, 2.226 por e-mail e 2.258 presencialmente no balcão de atendimento do APERS.

Já o atendimento ao pesquisador é uma atividade técnica que demanda conhecimento do acervo, no que diz respeito tanto às tipologias quanto às localizações físicas no Arquivo. No que se refere ao atendimento ao pesquisador, ao longo do ano de 2015, nossa Sala de Pesquisa passou por uma série de reformulações que impactaram positivamente em nosso atendimento. Entre elas, podemos citar o fato de contarmos com uma sala individual para atender aos novos pesquisadores e aqueles que tem dúvidas quanto ao acervo a ser pesquisado, uma servidora da área da História com dedicação exclusiva para este fim, grupo de trabalho entrosado quanto a procedimentos e rotinas e atualização dos instrumentos de pesquisa já existentes. Estas melhorias se refletem em alguns números: em 2015, entre os meses de janeiro e dezembro, atendemos um total de 438 pesquisadores gerando 4.631 pedidos de documentação, sendo 186 solicitações realizadas por telefone, 2.159 por e-mail e 2.258 presencialmente. Em comparação ao ano anterior, em 2014, no mesmo período, foram atendidos 171 pesquisadores que realizaram 2.412 solicitações, isto é um aumento de 60% no número de pesquisadores e de 48% no número de solicitações de atendimento.

Quantidade de Atendimentos a Pesquisadores 2014-2015 Mensal

Quantidade de Atendimentos 2014-2015 Mensal

Outra atividade que desenvolvemos em 2015 foi a realização de visitas guiadas, que consiste na recepção e percurso com os visitantes pelas dependências da Instituição, tendo por objetivo apresentar e difundir o Arquivo Público do RS. Destaca-se, para tanto, os contextos arquitetônico, administrativo, histórico e cultural da Instituição, no ano que passou realizamos 50 visitas a 770 visitantes. Desde o mês de julho oferecemos, semanalmente, dois horários fixos de visitas guiadas, com duração de 1h30min, nas segundas-feiras às 14h30min e nas sextas-feiras às 10h.

Também participamos de 03 edições do Projeto Os Caminhos da Matriz, por meio do qual as instituições culturais que circundam a Praça se reúnem para oportunizar aos cidadãos visitas guiadas mensais e gratuitas, recebendo 72 visitantes e de uma edição da Caminhada orientada Viva o Centro a Pé, realizada pela Secretaria da Cultura (SMC), Museu de Porto Alegre Joaquim Felizardo e Programa Viva o Centro, recebendo 50 visitantes.

Para o ano de 2016, ressaltamos o nosso compromisso de continuar atendendo com qualidade, focados nas necessidades de cada usuário, buscando nessa relação próxima estarmos sempre atentos as demandas e buscando solucioná-las de maneira eficiente.

Notícias relacionadas:

Balanço 2015 do APERS

Relatórios 2015 – DIDOC: Divulga APERS

Relatórios 2015 – DIDOC: Programa de Educação Patrimonial UFRGS-APERS

Os Caminhos da Matriz – Novembro 2015

Deixe um comentário

Na tarde de sábado do dia 28 de novembro, cerca de 30 pessoas participaram da última edição do ano de “Os Caminhos da Matriz”. O tempo colaborou com um calor agradável e sem chuvas!

O grupo encontrou-se com os organizadores na Praça da Matriz, às 14h e logo após seguiu para conhecer o Palácio Piratini, o Arquivo Público do Estado e o Memorial do Judiciário.

No Arquivo Público do RS foram guias da visita, as servidoras Caroline Acco Bassegio e Giglioli Rodrigues. Confira algumas imagens abaixo!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Neste sábado: APERS entre “Os Caminhos da Matriz”!

Deixe um comentário

Os Caminhos da Matriz: APERS fará parte do Roteiro deste sábado!

Deixe um comentário

No próximo sábado, 26 de setembro, acontecerá mais uma edição do roteiro de visitas guiadas Os Caminhos da Matriz, por meio do qual as instituições culturais que circundam a Praça se reúnem para oportunizar aos cidadãos visitas mensais e gratuitas.

Nesta edição o Arquivo Público do RS participará do Roteiro 2 junto com o Memorial do Judiciário, e excepcionalmente o Palácio Piratini não participará. Esperamos todos na Praça da Matriz, às 14 horas para o início o passeio!

2015.09.23 Caminhos da Matriz 2015.09.23 Caminhos da Matriz (1)

 

Os Caminhos da Matriz

2 Comentários

No último sábado de julho, dia 25, o Arquivo Público do Estado participou de mais uma edição de Os Caminhos da Matriz, roteiro 2. O ponto de encontro do público foi na Praça da Matriz, logo após, dirigiram-se ao Palácio Piratini.

Por volta das 14h 50min, as guias do APERS receberam os turistas e os conduziram pelo acervo do Arquivo Público do Estado. Talvez em função do tempo que oscilou entre sol e uma leve garoa, a participação do público foi menor, mas atento e muito interessado em conhecer o acervo, pois fizeram vários questionamentos sobre o APERS.

Às 16h, nossas guias conduziram o público até o Memorial do Judiciário para finalizarem o roteiro naquela Instituição. Confiram algumas fotos:

Os Caminhos da Matriz: APERS faz parte do Roteiro deste sábado!

Deixe um comentário

2015.07.22 Caminhos da Matriz

2015.07.22 Caminhos da Matriz (1)

Os Caminhos da Matriz – maio 2015

Deixe um comentário

     No último sábado, dia 30 de maio, o Arquivo Público do RS integrou mais uma edição de Os Caminhos da Matriz, participando do Roteiro 2. A atividade teve inicio na Praça da Matriz, em seguida os participantes foram encaminhados ao Palácio Piratini, onde conheceram mais sobre as peculiaridades daquela instituição.

     Após foram encaminhados Arquivo Público do RS, onde nossas guias apresentaram o conjunto arquitetônico da instituição e explanaram sobre acervos custodiados e as atividades realizadas, como as oficinas de educação patrimonial, atendimento ao usuário, entre outras. O passeio finalizou-se no Memorial do Judiciário, oportunizando os participantes conhecer a importância da preservação da memória institucional e as atividades lá desenvolvidas. Confira abaixo algumas fotografias da visita.

Este slideshow necessita de JavaScript.

     Convidamos a todos para participar da próxima edição que se realizará no dia 27 de junho, quando será oferecido o Roteiro 1: Solar dos Câmara/ Memorial do Legislativo, Museu Júlio de Castilhos e Memorial do Ministério Público.

Neste sábado, APERS nos Caminhos da Matriz!

Deixe um comentário

2015.05.27 Caminhos da Matriz 2015.05.27 Caminhos da Matriz (1)

7ª edição do Projeto Os Caminhos da Matriz começa nesse sábado!

Deixe um comentário

     Nesse sábado, 25 de abril, inicia a sétima edição do Projeto Os Caminhos da Matriz, por meio do qual as instituições culturais que circundam a Praça se reúnem para oportunizar aos cidadãos visitas guiadas mensais e gratuitas.

     As visitas ocorrem sempre no último sábado de cada mês, em dois trajetos. A única exceção será o mês de outubro, em que a visita ocorrerá no penúltimo sábado, devido ao calendário de feriados do estado. Em abril será realizado o Roteiro 1, que incluirá o Solar dos Câmara, o Museu Julio de Castilhos e o Memorial do Ministério Público.

     O Arquivo Público participará do Roteiro 2, no último sábado dos meses de maio, julho, setembro e novembro. Participe!

     Acompanhe as informações sobre Os Caminhos da Matriz também na página do Facebook, clique aqui para acessar.

Relatórios 2014: Cursos, Eventos e Exposições

Deixe um comentário

2015.02.18 Cursos Eventos e Exposições

O APERS é uma instituição riquíssima que possui, além de vasto acervo documental, um amplo Espaço Cultural composto pela Sala Joél Abilio Pinto dos Santos, o Auditório Marcos Justo Tramontini, a Sala Borges de Medeiros e o jardim. Nossas equipes buscam ocupá-lo promovendo ou apoiando atividades culturais diversas, estimulando os usos sociais do Arquivo, contribuindo para a difusão da instituição e de seu acervo. A Sala Borges de Medeiros foi utilizada ao longo de todo o ano para as oficinas de Educação Patrimonial, sobre as quais falaremos no relatório da próxima semana. Nos demais espaços são realizadas exposições e eventos.

Durante o ano de 2014 a Divisão de Documentação (DIDOC) fez uso do Espaço organizando exposições na Sala Joél Abílio Pinto dos Santos, ocasiões em que contou com parcerias de outras instituições. Confira abaixo um relato cronológico (clique nos links para verificar as notícias postadas no Blog):

  • Janeiro a fevereiro: Em parceria com a Comissão de Cultura do Tribunal Regional do Trabalho da 4° Região, foi elaborada a exposição fotográfica denominada Irlanda. A mostra apresentou imagens capturadas segundo o olhar de Miguel Ângelo, servidor do TRT4.
  • Março a Junho: A Comissão de Cultura do Tribunal Regional do Trabalho da 4° Região organizou, em homenagem ao aniversário de 108 anos do APERS, a exposição fotográfica denominada Olhares. A qual foi constituída de 18 imagens, capturadas nas dependências do APERS, de autoria dos desembargadores Vânia Mattos, João Paulo Lucena e dos servidores Miguel Ângelo e Maria Clara Lucena Adams.
  • Julho: Em decorrência da oficina “Origens – oficina de genealogia”, promovida pela Associação dos Amigos do Arquivo Público com apoio do APERS, houve a exposição denominada Emoções, em que Adriana Weber e Daniel Teixeira Meirelles Leite expuseram parte de suas árvores familiares e ilustraram vivências de seu cotidiano enquanto genealogistas.
  • Agosto a Dezembro: Em parceria com a Comissão de Cultura do Tribunal Regional do Trabalho da 4° Região, foi elaborada a exposição fotográfica denominada Colômbia. A mostra é composta por 32 fotografias capturadas segundo a perspectiva da artista Vânia Mattos.

Em abril a equipe da Divisão de Pesquisa e Projetos (DIPEP) realizou o evento Resistência em Arquivo: Memórias e Histórias da Ditadura no Brasil, atividade de pré-lançamento do catálogo seletivo homônimo que descreve os processos de indenização a ex-presos políticos salvaguardados pelo APERS e oriundos do trabalho da Comissão Especial de Indenização. Contamos com a participação de servidoras da casa que apresentaram o trabalho realizado, de ex-presos políticos e de filhos de ex-presos políticos que compartilharam suas vivências com o público presente.

Entre abril e maio servidoras da DIDOC e da DIPEP contribuíram para a organização do Curso Documento: Paleografia, Diplomática e Preservação, promovido pela Associação dos Amigos do APERS.

Entre maio e setembro ambas as Divisões envolveram-se na construção e realização da XII Mostra de Pesquisa do APERS, desde o recebimento e seleção de artigos e resumos de pôsteres, até a organização e divulgação do evento em que os trabalhos selecionados foram apresentados. Tal evento ocorreu nos dias 09, 10 e 11 de setembro, contando com palestra de abertura de Jônatas Caratti intitulada “O solo da liberdade”, com 26 apresentações de artigos e dez apresentações de pôsteres. Os trabalhos serão publicados em formato de livro ao longo de 2015.

Já em novembro as equipes das Divisões trabalharam em conjunto para realizar o evento de Lançamento das caixas pedagógicas produzidas a partir do Projeto AfricaNoArquivo, em uma atividade que envolveu a apresentação do material, palestra sobre cultura negra com o pesquisador Rodrigo Weimer e uma excelente intervenção musical do grupo Três Marias Brasil.

Em novembro o APERS também apoiou a realização do Seminário 50 anos do Golpe de 1964, 50 anos de impunidade, promovido pelo Coletivo pela Educação, Memória e Justiça nos dias 12, 13 e 14 de novembro no Auditório Marcos Justo Tramontini, e em dezembro apoiou a Associação dos Amigos do APERS na realização de sua atividade de confraternização de final de ano, em que contamos com a apresentação do grupo vocal Mandrialis.

Ao longo do ano o APERS participou também do projeto Os Caminhos da Matriz, realizado em parceria com Solar dos Câmara/ALRS, Memorial do Ministério Público, Memorial do Judiciário, Palácio Piratini e Museu Julio de Castilhos, oferecendo visitas mediadas às instituições do entorno da Praça da Matriz. Fizemos parte do roteiro 1, acompanhados do Museu Julio de Castilhos e do Memorial do MP, realizando quatro visitas mediadas nas tardes dos dias 29 de março, 31 de maio, 30 de agosto e 25 de outubro.

Os Caminhos da Matriz

Deixe um comentário

O APERS esteve presente em mais uma edição de Os Caminhos da Matriz, que se realizou no último sábado, 25 de outubro de 2014. A atividade inciou com uma breve explanação sobre a história da Praça Marechal Deodoro, mais conhecida como Praça da Matriz. Em seguida os participantes foram encaminhados ao Museu Júlio de Castilhos, onde puderam visitar suas instalações e exposições, bem como conhecer a história da instituição.

Logo após todos seguiram para o Arquivo Público do RS, onde foram recebidos pelas historiadoras Vanessa Menezes e Maria Lucia Souto. As servidoras contaram a história de criação do APERS e esclareceram de que forma são arquivados e preservados os documentos salvaguardados pela instituição. Nesta conversa explicou-se como se desenvolvem as oficinas de educação patrimonial e as atividades culturais desenvolvidas pela equipe do APERS.

Convidamos a todos para participar da próxima edição que se realizará no dia 29 de novembro de 2014, quando ofereceremos o Roteiro 2: Solar dos Câmara, Palácio Piratini e Memorial do Judiciário.

Neste sábado, APERS nos Caminhos da Matriz!

Deixe um comentário

2014.10.22 Programação Caminhos da Matriz 2014

Os Caminhos da Matriz – agosto 2014

Deixe um comentário

A edição de agosto dos Caminhos da Matriz reuniu cerca de 20 pessoas. Neste último sábado foram abertas para visitação as seguintes instituições: Museu Julio de Castilhos, Arquivo Público do RS e Memorial do Ministério Público. Após uma introdução sobre o histórico da Praça da Matriz, os participantes foram guiados até o Museu Julio de Castilhos por Gilberto Elias. Todos puderam visitar as instalações do museu, bem como suas exposições.

Em seguida os participantes foram encaminhados ao Arquivo Público do RS onde foram recepcionados pelas historiadoras Vanessa Menezes e Maria Lúcia Souto, que apresentaram um breve histórico do Arquivo, sua estrutura, ações e projetos desenvolvidos pelas esquipes técnicas.

Finalizando a atividade, acompanhados por Luciano dos Santos, seguiram para o Memorial do Ministério Público. Na visita, além do histórico do Palácio, os participantes conheceram a estrutura, exposições e eventos lá realizados.

Para a equipe dos Caminhos é sempre gratificante poder difundir o trabalho desenvolvido nas instituições públicas localizadas em torno da Praça da Matriz. Percebemos que os visitantes se surpreenderam positivamente com a atividade.

A próxima edição dos Caminhos da Matriz se realizará em 27 de setembro de 2014 e estão todos convidados. Nesta oportunidade será oferecido o Roteiro 2: Solar dos Câmara, Palácio Piratini e Memorial do Judiciário.

Este slideshow necessita de JavaScript.

No próximo sábado: APERS entre “Os Caminhos da Matriz”!

Deixe um comentário

2014.08.27 Programação Caminhos da Matriz 2014

Older Entries

%d blogueiros gostam disto: